cro

terça-feira, 7 de abril de 2015

[Livro] The ugly duchess, de Eloisa James


Título Original: The ugly duchess
Título em Português: --
Série: Fairy Tales #4
Autor(a): Eloisa James
Editora: Avon
Páginas: 334
Data de Publicação: 28 de Agosto de 2012

buy the book from The Book Depository, free delivery
Sinopse:
Theodora Saxby is the last woman anyone expects the gorgeous James Ryburn, heir to the Duchy of Ashbrook, to marry. But after a romantic proposal before the prince himself, even practical Theo finds herself convinced of her soon-to-be duke's passion. Still, the tabloids give the marriage six months. Theo would have given it a lifetime... until she discovers that James desired not her heart, and certainly not her countenance, but her dowry. Society was shocked by their wedding; it's scandalized by their separation. Now James faces the battle of his lifetime, convincing Theo that he loved the duckling who blossomed into the swan. And Theo will quickly find that for a man with the soul of a pirate, All's Fair in Love — or War.

Opinião:
Não sei se já disse isto noutra crítica, mas volto a dizê-lo: eu gosto de bad boys na literatura, e livros que fazem deles os heróis têm sempre pontos a favor.

Neste livro de Eloisa James, temos novamente o tema dos contos de fadas, sendo neste caso especificamente o Patinho Feio.
Theodora – Theo para os amigos e Daisy para o seu melhor amigo James – não era uma beldade, como se percebe pelo título. E, ainda que possa ser um spoiler, vou dizer isto porque sinto que é uma lição importante: Daisy não se transformou miraculosamente num cisne. Ela passou a aceitar-se como era, uma mulher que fisicamente podia não corresponder aos padrões de beleza da época, mas ainda assim uma mulher interessante, elegante e alegre. Quando Daisy se aceitou a si própria e deixou de se preocupar com o que o ton (como a alta sociedade inglesa se referia a si própria no período da Regência) dizia, ela tornou-se tão bela quanto um cisne.

James é um rapaz jovem (como Daisy – casaram com 19 e 17 anos, correspondentemente, o que era bastante cedo, pelo menos no que toca aos homens) que não é muito maturo, apesar dos problemas que tem com o seu pai e com o que já teve de lidar com ele. É um pouco infantil, e uma das coisas que gostei foi do quanto ele cresce ao longo do livro. Não gostei da distância (nem do tempo) que ele interpôs entre ele e Daisy (e mais não digo que já houve um spoiler em cima e um por crítica chega :p), mas acho que apesar disso fez-lhe bem e abriu-lhe os olhos àquilo que tinha. Não vos vou dizer como ele se tornou em algo tão diferente do que era no início do livro mas digo que gostei da sua mudança.

Uma boa escrita, como sempre, com um bom passo, mas que num certo momento acaba por ser demasiado lento devido à espera que fazemos pelas acções das personagens – mas perdoável.

Romântico, com boas lições a aprender pela história, mas acho que faltam alguns pontos essenciais como um desenvolvimento maior do amor de Daisy e James um pelo outro, desde a amizade ao amor conjugal e apaixonado. As cenas mais eróticas estão muito bem descritas, mostrando sensualidade, luxúria mas também o amor que existe entre as personagens.

Gostei da nota final da autora, que explica um pouco a sua inspiração para cada das personagens mais marcantes do livro.

Resumindo, uma leitura leve e romântica que ficou um pouco aquém dos outros livros da série.


• Milagre de Amor (Fairy Tales #2) (Joana)
• Duas irmãs, um duque (Fairy Tales #3) (Joana)
• The Ugly Duchess (Fairy Tales #4) (Joana)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todxs são bem-vindxs a contribuir para este blog, mas apenas pedimos que o façam de forma respeitosa e coordenada.