cro

terça-feira, 11 de abril de 2017

[Livro] Lord of Chance, de Erica Ridley

 Ler em Português      Read in English


Título em Português: --
Série:Rogues to Riches #1
Autor(a): Erica Ridley
Editora: WebMotion
Páginas: 300
Data de Publicação: 11 de Abril de 2017

Sinopse:
Disguised as a country miss, Charlotte Devon flees London, desperate to leave her tattered reputation behind. In Scotland, her estranged father’s noble blood will finally make her a respectable debutante. Except she finds herself accidentally wed to a devil-may-care rogue with a sinful smile. He’s the last thing she needs…and everything her traitorous heart desires. Charming rake Anthony Fairfax is on holiday to seek his fortune…and escape his creditors. When an irresistible Lady Luck wins him in a game of chance—and a slight mishap has them leg-shackled by dawn—the tables have finally turned in his favor. But when past demons catch up to them, holding on to new love will mean destroying their dreams forever.


Opinião:
Se puser de parte um aspecto deste livro, terei de dizer que gostei de o ler.

Em geral, manteve-me interessada e teve uma boa história: um casamento indesejado que junta as nossas personagens principais e fá-las trabalhar juntas em prol do seu objectivo: separarem-se. Isto, contudo, muda e torna-se mais que um casamento de fachada.

O meu maior problema foi com o personagem masculino, Anthony Fairfax. Ele é um jogado inveterado e joga (praticamente) sem pensar ou sequer considerar que o está a fazer. Foi muito difícil para mim pensar que ele conseguiria parar com tanta facilidade por causa de Charlotte - e isto verifica-se numa cena particular. Tudo isto me fez questionar a veracidade do enredo. Como disse, foi algo que não me agradou.

Tirando isso, Anthony é o típico herói charmoso e Charlotte é uma mulher forte que vai à procura do pai para que este a ajude, mas acaba por ser mais uma viagem de auto-descoberta. Passam por várias aventuras juntos, e ele considera-a a sua Dama Fortuna/Sorte.

O livro está bem escrito e passa-se bem o tempo a lê-lo, mas comigo a não gostar de jogadores, não foi tão agradável como poderia ter sido.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Todxs são bem-vindxs a contribuir para este blog, mas apenas pedimos que o façam de forma respeitosa e coordenada.